Por que os aviões não estão caindo?

Muitos, cada vez que viajam e sobem as escadas do avião, se surpreendem admirando as asas imponentes e a pesada fuselagem do veículo, sempre fazem a mesma pergunta: “mas como é que uma coisa dessas fica em pé?”

EXPLICAÇÃO

Na verdade, existem muitas razões pelas quais um avião consegue ficar suspenso no céu em vez de cair moído como uma pêra madura, mas o mais importante pode ser atribuído ao forma de asa, isso tem lado superior curvo enquanto que mais baixo é plano. Devido a essa curvatura, de fato, durante o vôo o ar flui em torno das asas em velocidades diferentes: mais rápido acima, onde a superfície a ser coberta é maior, mais lento abaixo. O resultado é um Menos pressão ar no topo: a asa é literalmente sugada, com um empurrão vertical para cima chamado elevador.

Claro, para que tudo funcione, você precisa do impulso horizontal de um motor que força o ar a fluir ao redor das asas.

O EXPERIMENTO

Se você ainda não está convencido e está preocupado com a ideia de fazer uma longa jornada, tente este experimento que irá convencê-lo da veracidade do leis físicas que permitem que o avião não caia: pegue uma colher e segure-a pela ponta do cabo trazer a parte convexa (ou seja, aquela que está curvada para cima) perto da torneira aberta (que simula o fluxo de ar): a colher não é rejeitada, mas é sugada para o jato de água, que em vez disso vem desviado na direção oposta.

Deixe um comentário