Por que a água é transparente?

Você já se perguntou por que a água (quando não é muito suja) nos permite ver nossos pés submersos em uma piscina ou olhar através de um vidro? Em breve, Por que a água é transparente? A resposta, é claro, está na ciência.

POR QUE A ÁGUA ESTÁ LIMPA?

Em primeiro lugar, deve ser dito que nem sempre a água é realmente transparente. Há uma diferença, por exemplo, entre olhar a água em um copo e a extensão de um oceano: no oceano vemos apenas uma imensa superfície azul, não o fundo do mar e as criaturas que o povoam. Porém, água ainda é água (mesmo que a dos mares seja salgada)!

Na verdade, a água em um copo é transparente porque é moléculas, composto por dois átomos de hidrogênio e um oxigênio (H2O), não são suficientes a partir de absorver radiação de luz suficiente. A água do mar, por outro lado, que é muita, é azul porque à medida que os raios de luz penetram profundamente absorve toda a radiação luz visível, começando com as vermelhas e passando para a amarela, roxa e deixando as azuis para o final.

OS ROLOS DE ÁGUA

Portanto, além de ser o elemento essencial para a vida, a água tem muitas curiosidades. Aqui estão alguns …

  • A água quente congela antes da água fria: Na verdade, a água quente não só tem um processo de evaporação, por isso a quantidade de líquido que precisa ser congelada é reduzida e leva menos tempo, mas também tem movimentos de convecção (de cima para baixo e vice-versa) que evitam a formação daquele fino camada de gelo superficial que retarda o processo de congelamento em água fria. Além disso, a água fria contém gases dissolvidos que aumentam ainda mais os tempos de solidificação.
  • A água flutua mesmo quando congelada: porque? O gelo, sendo sólido, deve afundar. A água congelada, por outro lado, cria ligações particulares entre as moléculas de hidrogênio, que estão muito distantes e, portanto, tornam o gelo menos denso do que a água líquida. É por isso que os cubos de gelo da sua bebida refrescante não são profundos.

Colaboração nos textos de Niccolò De Rosa

Deixe um comentário