A Potência Sagrada dos Números

Introdução

Existe uma fronteira que parece intransponível no que diz respeito à interpretação simbólica: o lugar no psiquismo em que o ímpeto de conhecer se cruza diretamente com a absoluta ignorância que sempre houve sobre o Princípio e Fundamento de tudo. Quando todas as modalidades de simbolização e interpretação já se esgotaram e necessitam de um ponto de apoio para voltar a se erguerem, a consciência precisa recuar um passo na direção do inconsciente profundo para – munida do máximo que puder de si mesma – interrogar essa própria disposição misteriosa de existir. Esse movimento possibilita a re-fundamentação do ambiente psíquico à partir da descoberta de novas redes de relação, que ultrapassa as heranças culturais para se firmar sobre a base mais inteligível e ao mesmo tempo abstrata que se nos é acessível: a natureza misteriosa do Número.

O Número é a última fronteira antes da dissolução final de todos os fundamentos na sua origem, e é também o produto acabado de sua expressão naquilo que tem de mais primitivo e portanto, sincero.

Desde que nos despregamos do ventre, abre-se uma contagem de movimentos e processos que serão o dado básico de nossa presença no mundo. Estamos sob a influência, o condicionamento e a determinação direta do número como entidade sensível e primitiva de ordem. Mesmo no ventre, podemos dizer, somos aquela potência que recupera a herança de toda uma espécie e aponta para um futuro de plena realização das suas potencialidades. A gestação, em sentido simbólico, é a presença do Zero em nós e nossa presença no Zero.

Com a descoberta da possibilidade de valoração em zero, não só as relações comerciais puderam evoluir, mas todo um espectro de possibilidades de experiência pôde se tornar possível: à mente então foi facultado conhecer-se como ponto de contato entre o mistério e a tentativa de uma expressão que o defina. Em suma, o Momento Zero é quando o ser humano se descobre parte de um contínuo, sempre em vias de ser, em eterno movimento, e tendo diante de si a consciência crescente de sua implicação no universo contável, aquele que existe. É um paradoxo: o ser humano precisa descobrir um valor neutro entre abstrações positivas e negativas para escapar da neutralidade inconsciente e se afirmar como potência do devir, daquilo que está em constante movimento e evolução. Precisamente, é quando nos entendemos como número que deixamos de meramente sê-lo.

Para nos aproximarmos do número de modo sensível e poder assim captar seu sentido simbólico, uma série de movimentos bem definidos precisa ser realizada: ampliações no campo do simbolismo e da mitologia comparada, amparo na psicologia, desenvolvimento consciente sobre o território da tradição; esses constituem a verdadeira intuição primitiva sobre nossa origem e melhor expressão; também é necessária disposição para compreender sua natureza fundamental de síntese; tudo, da mais complexa à mais simples realidade, tem como fundamento inteligível o Número. Dessa vez, a Cabala nos concederá propostas de reflexão e experiência sobre a natureza intrínseca do número.

Nos encontros semanais do nosso curso CABALA E NÚMERO, são apresentadas as correlações e suas ampliações à partir da Mitologia e do simbolismo comparado e da própria Cabala como sistema de compreensão dos motivadores da realidade. Mormente, abordaremos um elemento chave para nos guiar: A Árvore da Vida e suas sefirot, um sistema de emanação contido como microcosmo no coração humano e no macrocosmo, a manifestação plena de Deus.

A aula inaugural já está disponível gratuitamente aqui. Nela, fizemos uma pequena introdução daquilo que virá. Caso deseje receber o material completo, ingresse no curso, você será muito bem vinda(o).

Todos os alunos receberão, além do convite para participar ao vivo das aulas, as gravações e o material de apoio, que inclui texto explanatório + bibliografia optativa em PDF + Consulta ao professor. Abaixo, você acompanha o fluxo de temas e desenvolvimentos que abordaremos nos 11 encontros que compõem o curso:

Aula 0 . O Número como potência arquetípica
e. Quando aprendemos a contar?
f. O Que significam os números do ponto de vista simbólico?
g. Numerologia, Gematria: As Vibrações Numerais
VI. Mitologia, Alquimia e Cabala
h. Correlações Entre o número e os Frutos da Árvore da Vida
i. Percurso simbólico do 1 ao 10

Aula 1 – O Número 1: Princípio
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Unidade
Kether, a coroa
Adam Kadmon e a Árvore da Vida

Aula 2 – O Número 2: Manifestação [01/03]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica das Oposições
Hokmah, a Sabedoria
A Linguagem Criadora

Aula 3 – O Número 3: Atuação [15/01]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica das Relações
Binah, a Compreensão
O Verdadeiro Conhecimento

Aula 4 – O Número 4: Circunscrição [29/03]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Mandala
Hesed, a Misericórdia
Circunscrição, Introversão, Transformação

Aula 5 – O Número 5: Centralização [12/04]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Quintessência
Gevura, o Julgamento
Ter um Centro

Aula 6 – O Número 6: Composição [26/04]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Jornada
Teferet, a Beleza
O Equilíbrio das disposições

Aula 7 – O Número 7: Profundidade [10/05]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica do Mistério
Netzah, a Eternidade
Estar no Mistério

Aula 8 – O Número 8: Equilíbrio [24/05]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica dos Ciclos
Hod, o Esplendor
Ser Eterno

Aula 9 – O Número 9, Estabelecimento [07/06]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Herança
Yesod, a Fundação
A Criação das Criações

Aula 10 – O Número 10, Ramificação [21/06]
Mitologia Comparada
Análise Simbólica da Árvore
Malcut, o Reinado
Chegada ao Reino

magia-elemental-92

DADOS DO CURSO

INVESTIMENTO: 6x 125 ou 499 à vista. Inscrições até o dia 10 de Abril têm mais cem reais de desconto no valor total à vista. O curso fica então em 399 reais.

Material: 11 aulas + Material de Apoio + Consulta ao Professor + Indicação de Bibliografia e PDF’s

INSCRIÇÃO: Você deve optar pela forma de pagamento mais conveniente para você, em seguida realizar o depósito na conta abaixo e enviar o comprovante ou um aviso para jdlucas.contato@gmail.com

Banco do Brasil
Ag. 3652-8
C.C. 61708-3
CPF 135531527-10
Titular Reginaldo Lucas da Silva Peçanha

Se você tem alguma questão ou não sabe como funcionam os cursos do Monomito, entre em contato através do e-mail jdlucas.contato@gmail.com.

*

JD Lucas é Pesquisador em Mitologia, Psicologia Complexa e Simbolismo, coordenador da Mythological RoundTable Rio de Janeiro, grupo para o estudo do mito capitaneado pela Fundação Joseph Campbell, como sede na Califórnia – EUA. A iniciativa se expande para todos os continentes, difundindo o mito como reservatório de experiências significativas de conhecimento. Além do INTRODUÇÃO AO MITO, também ministra os cursos de MITOLOGIA AFRO-BRASILEIRA e O CAMINHO DO ALQUIMISTA, utilizando as lâminas do Tarô de Marselha.

Mitologia é a Canção do Universo

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s