No Coração da Grande Deusa

Joseph Campbell é um dos sujeitos mais instigantes que o século XX pôde nos oferecer. Junto Carl Gustav Jung, Mircea Eliade e outros tantos indivíduos notáveis, dedicou-se a ampliar o que a humanidade sabe sobre si mesma reintegrando mitologia e religião antigas num novo panorama de formas universais impressas na alma. É de Campbell a emblemática frase: Mitologia é a canção do Universo. Campbell compreendeu a mitologia dos povos como uma espécie de metáfora viva da qual devemos nos apropriar para construir nossa própria rede de experiência de significado para o mundo. Transcendendo dogmas, atravessando polaridades, as propostas de interpretação de Campbell surgem sempre como uma via inédita de compreensão do fator mitológico, e por consequência, humano. Fluem como água para o coração do mundo. E se o mito é o sonho coletivo tornado símbolo, voltar atenção para ele significa tomar contato com aquilo que nos une enquanto espécie, enquanto indivíduos, enquanto almas.

“Repetindo mais uma vez o antigo mote de Goethe: “O eterno feminino / nos leva adiante”. Eu, tendo sido conduzido pelo eterno feminino por 38 anos, observo que ele segue adiante como uma força autônoma e me recolho a um papel de observador mais do que professor, admirando a maravilha da ascensão da Deusa ao céu.”

Trecho do livro “Deusas: Mistérios do Divino Feminino”

A Editora Pallas Athena e o Monomito convidam para o lançamento do livro inédito de Joseph Campbell: “Deusas: Os Mistérios do Divino Feminino”. Embora sua obra tenha enorme abrangência e profundidade, cobrindo todas as grandes tradições mitológicas do mundo, Campbell nunca havia escrito um livro sobre as deusas na mitologia mundial. No entanto, tinha muito a dizer sobre o assunto. Entre 1972 e 1986 ministrou mais de 20 palestras e oficinas sobre as deusas, explorando as imagens, funções, símbolos e temas do feminino divino e acompanhando seu percurso ao longo de transformações, culturas e tempos históricos.

Neste instigante volume a editora Safron Rossi – especialista no assunto, professora universitária e curadora das coleções do Opus Archives, que reúne os manuscritos de Joseph Campbell e sua biblioteca pessoal – coligiu essas palestras pela primeira vez. Nelas, Campbell traça a evolução do divino feminino desde a Grande Deusa até as muitas deusas, da Antiga Europa do Neolítico até a Renascença. Lança nova luz sobre temas clássicos e revela os símbolos das energias arquetípicas de transformação, iniciação e inspiração.

O livro será lançado pela Palas Athena Editora, às 19h do dia 19 de setembro, na Alameda Lorena, 355, em São Paulo, e contará com a palestra da especialista Eliana Athié – doutora em educação pela Universidade de São Paulo – USP e professora de Língua Portuguesa, que trabalha com grupos de leitura e autoconhecimento (grupos de corpo e alma) formados por mulheres em busca de outras imagens do feminismo.

Nos vemos lá!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s