Mircea Eliade

Confira o panorama realizado pela TV UNED, da Espanha, sobre a vida e o pensamento do escritor e historiador das religiões Mircea Eliade.

Audio: Espanhol

Legendas: Português

Duração: 19:19 m

Uma lista sucinta das obras de Eliade. Nem todas foram traduzidas para o português ainda e muitas das que foram estão esgotadas. Portanto, se encontrar um livro de Eliade por aí, capture!

O Mito do Eterno Retorno, 1954, Princeton.

Provavelmente a mais crucial e curta aproximação do trabalho de Eliade. Apresenta análise do tempo como heterogêneo para religiosos e homogêneo para não-religiosos; também explora seu conceito de “terror da história” e a habilidade de “reatualizar” a religião no tempo.

Ferreiros e Alquimistas – Flammarion, 1956 e nova edição revista e ampliada em 1977.

Um trabalho de comparação entre o trabalho no metal dos ferreiros e a alquimia, sobretudo oriental, pelo seu caráter místico acentuadamente próximo de outras investigações de Eliade.

Ioga, Imortalidade e Liberdade, 1958, Londres: Routledge & Kegan Paul.

Primeiramente publicado na França como Yoga: Essai sur l’origine de la mystique Indienne em 1933, este trabalho informativo e escolástico analisa o ioga como uma concreta busca pela liberdade das limitações humanas.

Ritos e Símbolos de Iniciação, 1958, Londres: Harvill Press.

A publicação das aulas de Eliade (1956, sobre Haskell) na Universidade de Chicago, “Padrões de Iniciação”. Sua análise dos temas de iniciação implica na sua ubiquidade e na estrutura simbólica da morte e do renascer.

Padrões das Religiões Comparadas, 1958, Londres: Sheed & Ward.

Uma tentativa de delinear a morfologia do sagrado. Frequentemente criticada por seu enfoque transcultural e aproximação à história. Padrões organizados do fenômeno religioso por suas similaridades estruturais a respeito do tempo ou lugar de origem. Uma valiosa fonte de dados.

O Sagrado e o Profano: A Natureza da Religião, 1959, Londres: Harcourt Brace Jovanovich.

Ele avança para além das ideias de Rudolf Otto sobre o sagrado em Das Heilige. O sagrado é explicado através de sua relação binária com o profano. O complexo dialético do sagrado e do profano são destacados.

Mitos, Sonhos e Mistérios, 1960, Londres: Harvill Press.

O entendimento de Eliade do mito no mundo moderno, o prestígio das origens míticas e sua análise do simbolismo da ascensão, do combate, do labirinto e da luta contra monstros, entre outros.

Imagens e Símbolos: Estudos sobre o Simbolismo da Religião, 1961, Londres: Harvill Press.

Mais sobre simbolismo, particularmente o simbolismo do centro, nós, conchas e pérolas. Simbolismo e história e algumas reflexões sobre método.

Mito e Realidade, 1964, Nova Iorque: Harper e Row.  A estrutura dos mitos. Mais sobre o prestígio das origens e a sobrivência dos mitos e os temas míticos do pensamento moderno.

O Xamanismo e as Técnicas Arcaicas do Êxtase, 1964, Londres: Routledge & Kegan Paul.

Um longo trabalho sobre o estudo do Xamanismo, um detalhado e valiosa fonte de informação sobre estes fenômenos.

Os Dois e o Um, 1965, Chicago, IL: University of Chicago Press.

Um importante trabalho sobre a análise da coincidentia oppositorum, a coincidência dos opostos, ou oposição binária na história da ideias religiosas. O Andrógino é explorado como cosmogonia e escatologia, o nascimento e morte do cosmos ou visão do mundo.

A Busca: História e Significado das Religiões, 1969. Londres: University of Chicago Press.

Uma tentativa de fazer um trabalho mais metódico. A busca através dos seus artigos publicados previamente sobre a metodologia de Eliade e seus pressupostos e teoremas, incluindo seu “novo humanismo” e sua resposta à busca das origens das religiões.

História das Crenças e das Ideias Religiosas. Volume I. Da Idade da Pedra aos Mistérios de Elêusis, 1969. Chicago, IL: Universidade de Chicago Press.

Originalmente projetado como um único volume. Esta foi uma tentativa de dar um entendimento de toda a história das religiões por Eliade em sua perceptiva única. Um trabalho de referência. Muitas das categorias sobrevivem a Eliade neste trabalho maduro: o terror da história, a coincidentia oppositorum, o simbolismo do centro, o hierosgamos ou simbólico casamento celeste.

História das Crenças e das Ideias Religiosas. Volume II. De Gautama Buda ao Triunfo do Cristianismo, 1969, Chicago, IL: University of Chicago Press.

História das Crenças e das Ideias Religiosas. Volume III. De Maomé à Época das reformas, 1985, Chicago, IL: University of Chicago Press.

Enciclopédia das Religiões, 17 volumes (editor-chefe), 1987, N. Iorque: Macmillan.

Com artigos sobre todos os aspectos da religião. Atualmente, um referência padrão para toda enciclopédia sobre religião. E mais uma série de trabalhos de filosofia, religião e romances.

Fonte wikipedia

2 comentários sobre “Mircea Eliade

    • Seja bem vinda, Angela. Eliade é um grande pensador, recomendo que o conheça mesmo. Inclusive esteve com Jung diversas vezes no Círculo Eranos. Aqui no Monomito você consegue ler uma conversa entre os dois. Abraço!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s